Abrindo as porteiras

Oláaaaaaa, gente amiga!

“Que blog é esse?”, você deve estar se perguntando. Calma, deixe-me explicar: um dia eu e meu amigo carioca Michel Souza (o Misha) conversávamos num mensageiro aí da vida quando de repente ele solta a ideia “Tô afim de fazer um blog participativo de contos”, e eu disse “Pô, demorô! Vamo lá!” e daí começamos a procurar pessoas pra escreverem com a gente. Olha, foi difícil…Daí nossa primeira “candidata” foi a minha queridíssima e paulista Rebeca Schutz. Um tempo depois ela sugeriu a participação do também paulista Nahuel Dias (que aceitou), que tem uma vibe “manganimesca” em seus contos e, numa noite de domingo qualquer, a Rebeca pescou no Twitter mais dois cabecinhas que confirmaram participação logo depois: Luís Venceslau, o paraibano que curte realismo fantástico, e o Léo Barcelos, meu conterrâneo (RS, sabe?), que escreve sobre o cotidiano.

Eu particularmente não tenho muitas experiências com contos, pois meu forte sempre foi escrever quadrinhos. Daí que tive o lampejo de usar uma ideia pra uma história de ficção científica (essa vai ser minha vibe, a princípio) em quadrinhos que eu vinha fermentando há meses na minha pútrida mente e então decidi transformá-la em contos mesmo até por que o “orçamento” é menor, né? Mas nem por isso que eu vou deixar de desenhar só por que é um conto, por isso segue um rascunho de alguns personagens da trama:

Gostou?

Ah, falando em opinião, quero muito que vocês participem, beleza? O Misha já começou criando o blog cheio de mimimi por que a galera participa pouco/nunca dos blogs dele (e dos meus também e de todos os blogueiros sem fama por aí), por isso vamos animar o rapaz, tá? E quem entrar no blog e não comentar, eu juro que rastreio o IP e mando a facção criminosa mais próxima da sua casa pra quebrar suas pernas. Estamos entendidos? OK.

Amanhã publicaremos um conto participativo (ou seja, escrito por várias pessoas) pra celebrar o descabaçamento do blog. Ainda vamos bolar os contos de desafio, um sugere ao outro escrever um tema aleatório e o cara vai ter que se virar nos 30 pra bolar uma história. E estamos pensando também em fazer um tema mensal, com cada participante escrevendo um conto com esse tema. Então vai ter muita coisa diferente e interessante vindo aí.

Ajudem-nos a divulgar o blog e se você curte ler contos, Conte Conosco e não saia daqui por que pretendemos postar um por dia, com diversos temas.

Abraços, beijos e até amanhã!

@reigilgamesh

Anúncios

2 comentários sobre “Abrindo as porteiras

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s